sábado, 3 de março de 2012

O sentido da quaresma - pela CNBB

Uma festa social exige de nós preparativos e sacrifícios. Um casamento, por exemplo, a noiva se prepara, prepara o seu enxoval, abdica de outros interesses porque a sua meta é o matrimônio. O noivo também se prepara. Quer dar à noiva uma vida tranqüila. As famílias de ambos também se preparam. Cada um, de acordo com as circunstâncias, deixam outros interesses de lado, para preparar e participar de uma festa inesquecível.
Muito mais significativa é a festa do Cristo Ressuscitado! Ele mesmo se preparou, foi tentado e testado de todas as maneiras, passou quarenta dias no deserto, rezando e fazendo penitência. Sofreu toda a paixão, voluntariamente porque estava se preparando para triunfar da morte e nos oferecer o resgate de nossos pecados.
A Igreja se une, a cada ano, mediante os quarenta dias da Quaresma, ao mistério de Jesus no deserto. A Quaresma é um tempo de organização para a festa da Páscoa.
Desde o início de cristianismo, a Quaresma constitui-se num tempo especial de orientação dos catecúmenos que seriam batizados na Vigília Pascal e iniciados na vida sacramental e das comunidades. Em nossos dias, a Igreja convida todos os seus filhos a preparar a Páscoa numa vida sóbria, com orações mais intensas, com gestos de penitência e caridade.

Nenhum comentário:

AMOR A VIDA

A VIDA É UM PRESENTE DE DEUS, QUE DEVE SER BEM VIVIDA, NÃO DIGO APROVEITAR A JUVENTUDE, JUVENTUDE PASSA E FICA SÓ VOCÊ. MAS DIGO VI...