quinta-feira, 2 de setembro de 2010

É preciso ter esperança e caridade

É preciso ter esperança, quando tudo dá errado em nossa vida, e mesmo que tenha que esperar para conseguir dar a volta por cima. Ter confiança quando Deus se coloca tão pertinho de nós e não o sentimos por perto.

É preciso ter esperança, mesmo que as pessoas te derrubam e falem o desnecessário pois Deus não nos quer tristes e sim alegres pois ele faz o sol nascer e a lua se por todos os dias por todos nós, tudo funciona harmonicamente, uma obra inpecável do início até o fim.

Não desista de ser feliz porque nós fomos criados para buscar a felicidade e sermos felizes com Deus e confie na intercessão de Maria, ela que nos olha do céu e nos fortalece com tuas orações.

Eu quero mais é ter mais caridade do que ficar discutindo teorias que passam e que na verdade Deus é um só e é a quem devemos amá-lo e acima de tudo dar tudo em nossa vida por ele, não deixe passar os momentos de sofrimento, ofereça seu sofrimento para Jesus.

Batalha da Vida

O mundo hoje nos deixa um tanto perplexos, desconcertados, presos, algemados e muitas vezes perdemos até mesmo a razão de nossa existência. Os valores do mundo nos são incoerentes, equivocados e nos remetem a uma angústia ainda maior. A nossa sociedade discrimina o que é bom, e sobrevive numa miséria constituída de idolatria ao dinheiro, de moda, poder, política, tudo ao redor do egoísmo humano, que perde o censo das coisas. Um sistema de vida que fazem todos se arrastarem dia e noite, sem questionar, sem medir consequências, sem ao menos lembrar do nosso criador, Deus.

A ciência do homem é uma ciência incompleta, meio amarelada, anêmica, pois busca os seus fundamentos longe de Deus, e não valoriza a vida. A própria natureza reflete essa ciência do homem, basta observar as transformações que ela apresenta, há animais em extinção, há florestas completamente devastadas, há armas químicas em quase todos os continentes. As próprias doenças que atingem o ser humano, são consequências da ação perceptível do homem, que direta ou indiretamente, resulta numa alteração sem medidas na natureza.


Todas as doenças que habitam o mundo inteiro, são como enigmas a se encaixarem em algum lugar. As lágrimas são derramadas e as dores eternamente sentidas, pois nunca mais são esquecidas. Muitas vezes abrem feridas na alma, deixando a vida em pedaços. Essa dor vai criando laços, traçando destinos e fazendo muitos retalhos.

Apesar de tudo a vida ainda persiste, e nessa batalha estamos sempre enfrentando tempestades, muitas dificuldades. E como escreveu Cecília Meireles:

"Somos como os rosais que sob a chuva fria estão lá fora no jardim se desfolhando,

chove dentro de nós chove melancolia..."

Somos como rosais, tentando sobreviver, recomeçar, tentar. Nossas tentativas vão se acumulando, vão nos dando experiências, resistências, que vão transformando toda essa melancolia, e o Senhor vai curando todas as nossas mágoas. Somos sobreviventes, oficiais lutadores da vida.

Vivendo na Graça de Deus

A Vida é muito curta para perder tempo com coisas que não valem a pena, não vale a pena discutir, não vale a pena teimar, não vale a ...