sexta-feira, 15 de agosto de 2008

Evolução Teísta, onde fé e ciência se unem

Algumas formas de vida são complexas demais para terem evoluído somente pelo processo de seleção natural, como  Darwin propôs em seu livro de 1859 "A Origem das Espécies". A teoria afirma que uma inteligência maior deve ter feito isso, mas não a menciona como Deus.

"O processo em si é racional, apesar dos erros e da confusão quando passa por um corredor estreito, escolhendo algumas poucas mutações positivas e usando baixa probabilidade", diz Bento XVI.


"Isso... inevitavelmente leva à questão que vai além da ciência... de onde vem esta racionalidade?", pergunta.

Em resposta à própria questão, ele afirma que vem da "razão de criação" de Deus. papa
No livro Schoepfung und Evolution (Criação e Evolução) Bento XVI defende o que ficou conhecido como "evolução teísta", a visão das igrejas Católica Romana, Ortodoxa e Protestante de que Deus criou a vida através da evolução e que religião e ciência não precisam confrontar-se por isso.

Ele argumenta que a evolução tem uma racionalidade que a teoria de seleção puramente aleatória não consegue explicar.

Estes argumentos, propostos principalmente por protestantes conservadores e derivados de cientistas, provocam batalhas sobre o ensino da evolução nos Estados Unidos. Alguns cristãos europeus e turcos muçulmanos reproduziram recentemente estas visões.

 

Isso é o que deve ser ensinado nas escolas...e não como se demonstra hoje criação x evolução, não há evolução sem Deus por trás disso tudo...

Nenhum comentário:

AMOR A VIDA

A VIDA É UM PRESENTE DE DEUS, QUE DEVE SER BEM VIVIDA, NÃO DIGO APROVEITAR A JUVENTUDE, JUVENTUDE PASSA E FICA SÓ VOCÊ. MAS DIGO VI...